Rua João Paulo I, 261 - Sumaré-SP 19 3832.7223 19 3854.4103

Gases Alimentícios

Gases Alimentícios

Atmosfera Modificada para Embalagens

Os gases normalmente utilizados na composição da nova atmosfera são: nitrogênio (N2); oxigênio (O2) e dióxido de carbono (CO2). A composição das misturas gasosa bem como a concentração dos gases utilizados é feita de acordo com o produto que será embalado.

A Atmosfera Modificada, já é largamente utilizada em diversos produtos como carnes vermelhas, mantendo a sua cor e frescor; frango; produtos de panificação: bolos, pães; laticínios: queijo fatiado e ralado, mussarela nozinho; frios fatiados: salame, presunto, lombo defumado; snacks: castanha de caju, amendoim, batata frita; vegetais minimamente processados, etc.

Eliminar ou reduzir as degradações

  • Embalar um produto alimentício modificando a atmosfera que o envolve;
  • Controlar as reações enzimáticas ou bioquímicas e as ações de microorganismos;
  • Proteger fisicamente o produto;

Esse processo aplica componentes naturais do ar e, muitas vezes, permite reduzir a quantidade de aditivos químicos nos produtos.

O acondicionamento sob atmosfera modificada visa eliminar ou reduzir as degradações físicas, enzimáticas e de microrganismos que alteram os alimentos, processados ou não.

Beneficios

  • Manter a qualidade gustativa e higiênica o maior tempo possível;
  • Redução de conservantes em produtos naturais;
  • Facilidade de preparo e consumo (pratos preparados, porções individuais.);
  • Embalagens atrativas;
  • Renovação constante da gama de receitas;
  • Aumento da vida útil do produto;
  • Mantém o aroma, sabor e frescor do produto;
  • Retarda o desenvolvimento microbiano;

Aplicações:

  • Nitrogênio
    • É usado para remover e substituir o oxigênio antes do fechamento da embalagem, principalmente para prevenir oxidação de pigmentos, rancificação de gorduras, reações de escurecimento. É um gás inerte, inodoro, pouco solúvel em água e gorduras e não possui nenhuma propriedade bactericida ou fungicida.

  • Dióxido de Carbono
    • É um agente bactericida e fungicida que desacelera o crescimento e reduz a proliferação de bactérias aeróbicas e mofo, especialmente na ausência de oxigênio. É efetivo em uma concentração acima de 20% na atmosfera e é bastante solúvel em água e gorduras. Pode provocar a retração da embalagem, devido a sua alta solubilidade em água e gordura, o que é desejável nos casos em que se deseja, por exemplo, minimizar o efeito de estufamento em algumas embalagens. A otimização da operação logística de produtos alimentícios refrigerados e congelados passa necessariamente por um controle rigoroso de tempo e temperatura de forma a garantir a cadeia do frio em todos os níveis. O controle da temperatura, durante o transporte, constitui fator preponderante para a manutenção da qualidade dos produtos transportados e conseqüentemente, proporcionar a segurança do consumidor final.

Whatsapp GuilherGás